Fomos jantar numa “trattoria” em pleno centro que adorei, não tinha grandes planos para hoje, mas o jeitoso tanto insistiu que à ultima da hora procurei um local porreiro no “tripadvisor” e lá encontrei esta “Trattoria Rosmarino”, muito boa devo dizer, não tenho fotos (muahhhhhh) porque me esqueci da máquina (nem parece meu, mas ok). Fiz bem em marcar antes de sair de casa, porque caso contrário era para esquecer, estava apinhada de gente. Um local muito agradável, á boa maneira italiana, pessoal muito gentil e a comida era divinal, não esquecendo a relação preço qualidade, coisa dificil de encontrar por estas bandas.

A meio do jantar, uma rapariga entorna um copo de vinho, azar dos azares, caiu em cheio numa tipa da mesa que estava mesmo ao lado (uma daquelas tipas todas cócós, com a mania do jet7), eu sei que levar com um copo de vinho em cima não é uma coisa muito agradável, mas visto que a pessoa em questão se prontificou a pagar a limpeza da roupa e caso não fosse suficiente, a pagar a roupa em questão, a coisa (a meu ver) estava resolvida por ali, mas não, foi um escândalo, a tipa começou a fazer um chinfrim dos diabos, porque lhe tinham estragado a noite, porque a roupa era super-hiper cara, porque é inadmissível tal situação, porque isto, porque aquilo, e não se calava, puta que pariu que me estava a dar quase uma coisinha má, lá veio o proprietário que a calou com jantar grátis e garrafas de vinho oferta da casa.
Depois desta treta toda, a tipa vai a levantar-se da mesa e escorrega, quase que fazia a esparregata (ou espargata, como lhe quiserem chamar), o namorado para a tentar ajudar, bate com a cabeça no candeeiro (sabem aqueles candeeiros muito descidos mesmo por cima de cada mesa), e aí é que foi o fim, toda a gente que ali estava (eu incluída) começa a rir, mas não têm ideia, a rir à gargalhada, nem os empregados se conseguiram conter.

Resumindo, um jantar de merda…. Para eles… Porque para mim, foi um fartote! Nunca tive tanta pena de me ter esquecido da maquina fotográfica em casa.

Porra… Fui má em admitir… Mas como diz o outro, quem diz a verdade, não merece castigo.

Anúncios
Standard

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s